terça-feira, 2 de agosto de 2011

Minha Carreira no Mundo das Corridas (Atualização)

Olá Amigos!

Ontem a noite meu amigo Valmir Terezani que é publicitário e maratonista me pediu que eu preparasse um artigo sobre minha história, eu disse para ele que estava sem tempo e que podia aproveitar minha primeira postagem deste meu blog que se chama "Minha estreia no mundo dos Blogs", mas depois fazendo uma releitura conclui que estava muito desatualizado, pois escrevi minha primeira postagem no dia 11 de agosto de 2009 entre aquele dia até a data de hoje corri mais 11 maratonas e 4 ultramaratonas, então resolvi atualizar minha história, mantendo a parte inicial e acrescentando as últimas realizações.

Até hoje "participei e completei" 31 maratonas e 4 ultramaratonas, sendo que em 28 dessas provas corri com uma câmera fotográfica profissional, fotografando os melhores momentos com um chapéu do tipo "Indiana Jones", o que acabou chamando a atenção de muita gente de dentro e de fora das provas, acabei fazendo muitas amizades pessoalmente durante as corridas e também virtualmente, milhares delas já estão com páginas no Facebook, Orkut e Twitter, também tenho centenas de amigos que escrevem em seus próprios blogs e que estão seguindo esta página.

Por isso sinto-me no dever de passar a atualização do resumo de minha carreira no mundo das corridas.

A minha primeira participação numa corrida oficial foi na São Silvestre de 1981, eu estava com 15 anos de idade, naquele ano fiz a maior parte do treinamento correndo dentro do Cemitério de Vila Formosa, sendo atualmente um dos poucos locais da cidade de São Paulo que mantém em seu interior belas alamedas de terra batida, piso ideal para treinos longos acima de 20 quilômetros, até hoje treino lá e atualmente costumo fazer entre 3 a 5 voltas de um percurso de 4000 metros em terreno misto de terra batida (cerca de 70%), asfalto e paralelepipedo com várias subidas e descidas, o que me possibilita estar preparado para a maioria das provas de rua e mesmo de cross-country.
Já participei de 23 São Silvestres (em 1981 e em todas de 1989 até 2010). Este ano inclusive vou comemorar o 30º (trigésimo) aniversário da minha primeira participação desta que é a mais clássica e antiga corrida da América Latina e uma das mais famosas do mundo. Na São Silvestre de 1994 eu começei a fotografar os corredores, começei com os que estavam fazendo uma homenagem para o Ayrton Senna que havia falecido em maio do mesmo ano, eu era fã do piloto, estava sempre correndo com o boné com a frase "Valeu Senna", reuni todos numa grande turma e tirei umas fotos com a câmera portátil da minha esposa. Comprei uma câmera fotográfica da marca Zenit modelo 122K de fabricação russa, que possibilitou fazer fotos com maior qualidade. No começo eu só fotografava a chegada dos corredores que chegavam depois de mim, pois eu corria sem a câmera e pegava ela com a minha esposa que ficava fotografanto os corredores mais rápidos da prova. "Eu nunca abandonei a corrida para fotografar". Desenvolvi o hábito de correr com câmera na primeira Corrida da Fé no dia 11 de outubro de 2001, foi o criador do Jornal Atividade Física o professor Roberto Lozada que me convidou para fazer a cobertura fotográfica, decidi ir correndo com a câmera fotográfica de frente do estádio do Pacaembu até o quilômetro 38 da Av. Ayrton Senna, para fotografar os corredores durante o percurso. Eu corri a minha primeira Maratona de 42.195 metros no dia 30 de Julho de 1995 em Blumenau (SC) (tempo=4:01:35), e no dia 08 de Outubro do mesmo ano corri a 1ª Maratona de São Paulo (tempo=3:55:56), mas a minha melhor marca ocorreu no dia 08 de Julho de 2001, na 7ª Maratona de São Paulo (tempo=3:41:58). Depois completei outras maratonas mas sempre correndo com uma câmera fotográfica reflex e parando várias vezes para bater foto.

Minha largada no Mountain Do da Lagoa da Conceição em Florianópolis.

Atualmente trabalho como fotógrafo na Revista Contra Relógio que foi criada pelo editor Tomaz Lourenço, a minha primeira foto na revista foi publicada em janeiro de 2002 que por coincidência era a tão comemorada edição nº 100, a foto esta na página 13, tenho dezenas de fotos publicadas nas capas da Contra Relógio, veja aqui meu portfólio. Tenho também centenas de fotos publicadas nos vários artigos da revista sendo que escrevi nove deles: em novembro de 2005 (nº 146, página 22 - Mountain Do de Florianópolis), em dezembro de 2005 (nº 147, página 26 - Meia-Maratona Frei Galvão em Guaratinguetá), em junho de 2006 (nº 153, página 24 - Sindeepres no Parque do Carmo e Corrida Sesc Interlagos), em setembro de 2009 (nº 192, página 36 - Estação Maratona: fugindo da mesmice e página 42 - Super Maratona de Nova Friburgo), em novembro de 2009 (nº 194, página 28 - Mountain Do da Lagoa da Conceição)e em agosto de 2010 (nº 203, página 28 - No Desafio Urubici, 27 km subindo, 25 km descendo e página 32 - Revezamento Beto Carrero: corrida, diversão e fantasia).

Minha participação na 3ª Supermaratona de Nova Friburgo, na distância de 50km, que ocorreu no dia 23 de agosto de 2009, foi minha 1ª ultramaratona, meu tempo oficial líquido foi de 05h12m41s.

A Contra-Relógio foi a primeira revista brasileira sobre corridas de rua do Brasil e é lida em todo o território nacional o que ajudou muito na divulgação e no reconhecimento do meu trabalho de fotógrafo corredor, também tenho muitas fotos publicadas nas revistas Super Ação, O2, Runners's World e no Jornal Atividade Física, onde também escrevi meu primeiro artigo sobre atividade física e meio ambiente, em dezembro de 2001 (nº 44, página 5 - Alternativa de Transporte), outros artigos: Junho de 2004 (nº 72, página 6 - Eu e o Governador), Julho de 2004 (nº 73, página 2 - Parque do Piqueri pode virar o "Ibirapuera" da Zona Leste) e setembro de 2004 (nº75, página 6 - Parques e Área Verde). Também participei em outras provas nas mais variadas distâncias, praticamente em todo fim de semana que tinha provas, no meu site estão as fotos que fiz de mais de uma centena de provas, elas estão exatamente na sequência de início, meio e fim de prova, o que permite ao visitante conhecer bem a corrida sem ter tido a necessidade de ir no local, afinal como diz o velho ditado chinês, "Uma imagem vale mais que mil palavras".

Chegada da minha 5ª participação consecutiva na Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro, que ocorreu no dia 17 de julho de 2011, meu tempo oficial líquido foi de 04h35m11s.



Antes de clicar nas ligações externar, veja minhas fotos que foram publicadas nas capas das principais revistas brasileiras e também minhas fotos que foram publicadas para fazer a propaganda das maiores provas do Brasil.

Abraços !

Ligações externas

Meu site oficial
Meus recordes pessoais
Relação de todas as maratonas e ultramaratonas que participei
Relação das primeiras corridas que participei
Relação de todas minhas páginas de contato

Segue abaixo todas as fotos de minha autoria que foram publicadas em Capas de Revista, Propagandas de Corridas, Cadernos de Resultados e no Sumários da Revista.
























































12 comentários:

  1. Bela carreira essa sua Pinguim.
    Parabéns por tanta garra e determinação.

    Fico feliz também por você ter voltado a postar, estava sentindo falta.

    Abraço e nos vemos qualquer dia se Deus assim nos permitir.

    Ah, você vem correr a primeira Maratona de Londrina no dia 28 de agosto?
    Tem link de inscrição na lateral direita do meu blog, ok?
    Valeu.


    tutta/ubiratã-50anos
    www.correndocorridas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Grande amigo Pinguim, meus parabéns por atualizar sua História,eu já lhe disse uma vez que você precisa Urgênte publicar seu Livro, o que não pode é as pessoas não saberem dessa linda História de vida que você tem,ninguem pode imaginar as grandes surpresas que você pode contar a élas, amigo pense nisso!!!
    Valmir

    ResponderExcluir
  3. S E N S A CI O N A L ! ! ! ! !
    Pinguim.... vc é além de tudo o que nos assistimos ai em cima e lemos.... um cara animado e GENTE BOA.abçs

    ResponderExcluir
  4. Ola Pinguim, só agora vi um coment que voce deixou no meu blog sobre o Vovo´cop! Adorei conhecer seu trabalho!
    abs
    Suely

    ResponderExcluir
  5. Pinguin. parabéns pela sua determinação. te acompanhei e ví o quando vc é determinado. continue sempre assim.

    ResponderExcluir
  6. Caro Pinguim além de atleta exerce a magia de eternizar para todos nós os belos momentos de uma corrida - que só quem esta correndo pode presenciar e identificar -. Felicidades em teus desafios. Abraço!
    Aldair

    ResponderExcluir
  7. Pinguim! Foi um prazer enorme te acompnhar nas horinhas que deu antes da prova e no após!
    su paixão pela corrida é visível e transbordante! E os seus clics, com certeza, carregam muito do que vc absorve ao correr... Penas não ter te mostrado nossa terramasi de perto e com detalhes. Londrina é realmente calorosa e aconcehgante! Espero que tenha gostado e volte! E, querndo, estou a disposição! Abç!!!
    Segue link do meu blog com mais informaçoes da maratona de londrina:
    http://clicandoeconversando.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Nossa Marcos parabéns pela sua belíssima carreira. Já faz um tempo que passo por aqui, às vezes não comento mas estou sempre te acompanhando.

    Parabéns pelas maratonas, e nossa quantas hem!! saúde e sucesso sempre.

    De uma admiradora!!

    ResponderExcluir
  9. Fantástico! Extraordinário! Texto excelente. Fotos maravilhosas. Que carreira sensacional. Parabéns...

    ResponderExcluir
  10. Parabéns Marcos...
    A primeira impressão a que temos é que vc é um cara louco...rsrsrsrs
    Louco pelo que faz, louco por corridas, louco por fotografias...
    Parabéns e continue com esse trabalho extraordinário...
    Conversamos por pouco tempo na Maratona Internacional de Foz do Iguaçu 30/09/12...
    Parabéns!!!!!
    Jonny Iryoda Assaí-Pr

    ResponderExcluir
  11. Caro Marcos
    Parabéns pelo seu trabalho inovador.
    Forte abraço
    Felipe Santa Rita
    Fisioterapeuta
    www.talus.net.br

    ResponderExcluir

Sintam-se a vontade neste Blog.
Participe! Seus comentários serão muito importantes para mim e para os outros leitores interessados no mesmo assunto.
Não importa se você leu o artigo no dia que foi publicado ou mais de um ano depois, todos os comentários serão bem-vindos, mas reservo-me no direito de excluir eventuais mensagens com linguagens inadequadas. Abraços!